segunda-feira, 13 de maio de 2013

Pessoas e Vidraças

Algumas pessoas são como uma bela vidraça, com uma vista fabulosa. Podem dar alegria, um sentimento reconfortante. Mas, no decorrer da vida muitas vezes deixamos essas vidraças um pouco abandonadas pela correria do dia-a-dia. Começam a empoeirar, encardir, o sol já não a atravessa mais com a mesma beleza. Há um ponto em que mesmo limpando com produtos mais forte, que gastam e machucam o vidro, a situação pode até ser é irreversível. A vidraça pode nunca mais alegrar a casa como antes. Há quem prefira trocar a vidraça. Mas há algumas vidraças tão raras, itens únicos e exclusivos, que podem nunca mais ser encontrados por aí. Quem se arrisca a substituir suas atuais vidraças?